A lenda do reggae, Lee ‘Scratch’ Perry, é sepultado na Jamaica e é lembrado como um gênio da música Jamaicana.

 A lenda do reggae, Lee ‘Scratch’ Perry, é sepultado na Jamaica e é lembrado como um gênio da música Jamaicana.
Compartilhe

A lenda do reggae jamaicana Lee ‘Scratch’ Perry foi lembrado como um ícone que abriu caminho para a música jamaicana.

“Foi uma honra e um privilégio ter trabalhado em estreita colaboração com a família para garantir que tudo estava no lugar e que ele estava devidamente vestido, como todos o conhecemos”, disse a Ministra da Cultura e do Entretenimento, Olivia Grange, ao falar em uma exibição do artista falecido na Capela Funeral de Perry em Spanish Town, St Catherine.

A Ministra da Cultura e do Entretenimento, Olivia Grange e Peter Perry, proprietário da Capela Funeral de Perry, na exibição do ícone do reggae Lee ‘Scratch’ Perry em 23 de setembro de 2021 – foto de Kenyon Hemans.

“Qualquer reflexão sobre seu trabalho e sua música, sua inovação, sua mistura de sons, só pode concluir que ele foi um gênio”, disse Grange.

Ela disse que Scratch pode ser considerado o Mozart da música contemporânea jamaicana, dado seu domínio dos fundamentos de seu ofício.

Ela disse que é uma pena que os músicos da indústria musical não tenham se reunido para celebrar sua vida em grande estilo devido às restrições do COVID-19.

Ministra da Cultura e do Entretenimento, Olivia Grange (Jamaica) ao lado do corpo de Lee Perry

Seu selo Uppsetter produziu canções de reggae como Small Axe e Duppy Conqueror by the Wailers.

Ele ganhou popularidade na Europa e seções dos Estados Unidos nas décadas de 1960 e 1970 e ganhou um Grammy em 2003.

Scratch Perry morreu em 28 de agosto no Hospital Noel Holmes em Lucea, Hanover, aos 85 anos.

Seu corpo foi enterrado na quinta-feira (23) em uma propriedade privada em Cauldwell, Hanover na Jamaica.

*Todos os comentários são de responsabilidade dos seus autores

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *